OSB – RJ lançou hoje o financiamento coletivo para o Projeto Movemos

Projeto irá criar sistema inteligente e pioneiro de monitoramento via GPS de toda a frota de ônibus da cidade.

26 de abril de 2019 14:19

Veja outras publicações das mesmas tags: | | | | |

Linhas de ônibus que simplesmente desaparecem. Outras que deveriam contar com dezenas de veículos operam com apenas um. Frotas sumidas há meses voltam a circular da noite para o dia. Estes e outros inconvenientes vividos diariamente por milhares de passageiros cariocas estão com os dias contados.

O Projeto Movemos é um sistema inteligente que, utilizando tecnologia e participação social, irá transformar a forma como hoje é fiscalizado o transporte público por ônibus e o planejamento de mobilidade urbana.

De maneira automatizada e eficiente, o Sistema Inteligente irá realizar o monitoramento de toda frota de ônibus do Rio de Janeiro, 24 horas por dia, 7 dias por semana. Será possível fiscalizar de forma permanente a frota mínima e máxima dos ônibus, o itinerário, o tempo de espera entre os ônibus, entre outros ganhos ao cidadão.

Os resultados da análise do Sistema Inteligente serão utilizados para auxiliar no controle do serviço de transporte, planejamento da mobilidade urbana e melhoria real do serviço de transporte público.

o Sistema vai ser auditável e gerará relatórios periódicos para melhoria da eficiência do transporte. O desenvolvimento do Projeto Movemos só será possível se o financiamento coletivo lançado hoje (26 de abril de 2019) obtiver resultados. O valor arrecadado será investido no desenvolvimento do piloto e relatórios de fiscalização por 12 meses. Caso não bata a meta de R$ 40 mil o recurso é devolvido aos doadores, por isso a contribuição de todos é FUNDAMENTAL!

Para saber mais sobre o projeto e contribuir, acesse https://projetomovemos.org/.

Histórico –

Em 2018, o OSB – Rio de Janeiro, em parceria com a Controladoria-Geral do Município do Rio de Janeiro (CGM-Rio), realizou a “verificação dos dados de GPS dos ônibus disponíveis no portal Data.Rio”, gerando o Relatório de Auditoria 002/2019.

A partir do trabalho em conjunto, constatou-se que a Prefeitura do Rio não utiliza a ferramenta do Global Positioning System (GPS) de forma integralmente sistematizada ou automatizada. E foi sabendo que, desde 2011, toda a frota de ônibus do Rio é monitorada por GPS, com possibilidade de formação de um banco de dados, que o Observatório Social vislumbrou a criação de um sistema inteligente que pudesse realizar o cruzamento dos indicadores, permitindo, dessa forma, a fiscalização dos  serviços da mobilidade urbana por ônibus.

Observatório Social do Brasil – Rio de Janeiro se trata de uma organização da sociedade civil, apartidária, fundada em 26 de julho de 2017, voltada à participação ativa da sociedade na melhoria do uso dos recursos públicos e da prestação de serviços da administração pública do município do Rio de Janeiro.

Apesar do pouco tempo de atuação, em 2018 foi reconhecido pelo Conselho Nacional do Ministério Público – CNMP, como iniciativa de fomento à integridade social e à cidadania pela Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro. O OSB – RJ é integrante do Sistema OSB, existente em mais de 133 municípios do Brasil. Espera-se que o Projeto Movemos sirva como um modelo para replicação em demais localidades.

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. O Sistema OSB é formado por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br