1º Concurso de Boas Práticas do Sistema OSB premiou os três vídeos mais curtidos

Dentro da programação do 2º Congresso Pacto pelo Brasil, foi realizado este ano o 1º Concurso de Boas Práticas do Sistema OSB, para o qual 25 Observatórios Sociais produziram vídeos contando os seus casos de maior relevância e impacto social.

11 de setembro de 2018 19:55

Dentro da programação do 2º Congresso Pacto pelo Brasil, o Observatório Social do Brasil, realizou este ano o 1º Concurso de Boas Práticas do Sistema OSB, para o qual os Observatórios Sociais produziram vídeos contando os seus casos de maior relevância e impacto social. 25 Observatórios Sociais enviaram vídeos, que foram disponibilizados no YouTube, em uma playlist no canal do OSB: https://is.gd/boaspraticasOSB10anos.

O objetivo desse concurso foi desafiar os Observatórios Sociais a divulgarem suas ações e projetos (boas práticas) durante toda a existência do Observatório Social do Brasil (10 anos), alcançando visibilidade e conquistando credibilidade da comunidade local e nacional. A playlist já alcançou mais de 15.600 visualizações.

Todos os vídeos foram exibidos entre os painéis do 2º Congresso Pacto Pelo Brasil e no 9º Encontro Nacional dos Observatórios Sociais (ENOS).

O concurso foi por meio de votação popular: os 3 vídeos com os maiores números de likes no youtube (o botão “Gostei”), até as 13h do dia 23 de agosto de 2018 (encerramento do 9º ENOS), foram os premiados. O resultado foi divulgado na festa de aniversário de 10 anos do Observatório Social do Brasil (realizado no dia 23 de agosto, à noite, no Restaurante Dom Antônio).

Todos os Observatórios Sociais que participaram do concurso enviando seus vídeos, ganharam certificado de participação.

 

PRIMEIRO LUGAR:

Com 1774 curtidas (às 13h do dia 23 de agosto), a boa prática vencedora foi “Água mais Barata”, do Observatório Social do Brasil – Pará de Minas:

Bruna Paula Faria, Coordenadora do OSB – Pará de Minas, explica que escolheram o caso da licitação de água mineral por ser um dos casos mais simples que possuem e com conteúdo de fácil entendimento. “Também por ser algo que quase todos os Observatórios fazem, ou seja, que explica o que é e o que faz um Observatório Social”, disse.

Ela conta também que o concurso foi motivacional e uma ótima oportunidade de mostrar à sociedade o trabalho que desenvolvem. “Sentimos muito resultado. A população se mobilizou para nos ajudar a conseguir as curtidas, descobrimos um apoio muito maior que o que imaginávamos que tínhamos, foi fantástico!”, comemora.

“Ficamos muito felizes com a vitória, pois nos empenhamos muito para isso. Foi uma competição muito saudável e prazerosa, além de ter sido acirrada, sendo que não teve algum OS com a vitória consolidada antes da hora”, conta. “É importante salientar, ainda, que o vídeo teve um alcance muito grande, quase 10 mil visualizações. Muitas pessoas tiveram a oportunidade de conhecer o nosso trabalho”.

Durante o 2º Congresso Pacto pelo Brasil, após assistir os vídeos, Reynaldo Goto, Coordenador do Grupo de Trabalho Anticorrupção do Pacto Global da ONU no Brasil, afirmou ter adorado a ideia do concurso e que estava impressionado com as boas práticas. Ofereceu ao vencedor, como prêmio extra, a oportunidade de apresentar a boa prática do vídeo ao GT da ONU do qual é coordenador.

SEGUNDO LUGAR

O segundo lugar ficou com o Observatório Social do Brasil – Pato Branco, que obtiveram em seu vídeo “Peças teatrais e curso para pregoeiros” 1697 likes (número apurado às 13h do dia 23 de agosto).

Para a Coordenadora do Observatório, Cristiane Canan, a iniciativa foi inovadora, desafiadora e excelente. “Tivemos a oportunidade de divulgar uma boa prática nossa para o país inteiro e de conhecer o que os observatórios tem de melhor. O OSB deu um grande passo e valorizou os observatórios locais”, disse.

Ela explica que escolheram a boa prática apresentada no vídeo porque a peça é desenvolvida para ser trabalhada com crianças, de uma maneira lúdica, mas que ensina que a corrupção está presente na sociedade, desde pequenos gestos da população, até grandes atitudes dos governantes. “Uma criança certa vez, após assistir à peça, comentou que aprendeu que ela não deve vender o voto e nem vender ou trocar algo que é do bem comum para o bem próprio, porque aquilo que é próprio termina e ela tem que trabalhar para o coletivo”.

Conta também que, até o início da divulgação do concurso, a peça tinha atingido 600 crianças. Após o vídeo ser divulgado, já foi realizada apresentações em mais 2 escolas, atingindo 1000 crianças. “As previsões é que nessas próximas semanas nós dupliquemos esse número. Esse ótimo resultado é graças ao vídeo e a divulgação, que atiçaram a curiosidade das pessoas a saberem mais”, comemora.

O vídeo também mostra a realização de um curso para pregoeiros. “Pela primeira vez no interior do Paraná foi realizado este curso, que era uma necessidade da Prefeitura e da Câmara de Vereadores. “Nós conseguimos envolver sete municípios e contamos com 31 pessoas em sala”, conta.

TERCEIRO LUGAR

Com 1.573 curtidas (às 13h do dia 23 de agosto), o terceiro lugar ficou com a boa prática “Observador Social Mirim”, do Observatório Social do Brasil – Brusque:

Evandro Gevaerd, diretor executivo voluntário do OSB – Brusque, afirmou ter achado a iniciativa do concurso fantástica, pois os observatórios tiveram a oportunidade de, além de mostrar suas ações, conhecer as boas práticas dos outros municípios para estudarem a incorporação destas em suas rotinas. “Por exemplo, penso que a boa prática que apresentamos poderia contribuir com os observatórios que quiserem adotar práticas de educação fiscal”, pondera.

Explica também que a boa prática apresentada no vídeo é o carro chefe do observatório. “Nós estamos investindo nesse projeto desde 2016 e é uma ação que traz um retorno muito positivo, inclusive financeiro”. Comenta que a maior recompensa é saber que, a longo prazo, o trabalho está contribuindo para ajudar as crianças e cidadãos a se esclarecerem.

Evandro conta ainda que fizeram uma grande mobilização para a divulgação do vídeo e, como resultado, alcançaram mais de sete mil visualizações. “Observatórios de outras cidades e muitas entidades e instituições que também trabalham com a conscientização cidadã entraram em contato para saber mais sobre o projeto”, disse.

Durante o 2º Congresso Pacto pelo Brasil, a Gerente de Governança e Anticorrupção do Escritório de Nova York do Pacto Global da ONU, Neha Das, assistiu ao vídeo e se apaixonou pela boa prática. “A pedido dela, iremos encaminhar o projeto à ONU, para a avaliação e, quem sabe, replicação em outros países com situação parecida ao Brasil. Isso nos deixou muito orgulhosos e fortaleceu ainda mais nossa ideia de continuação do programa, afinal não há outro caminho que não a educação”, finaliza Evandro.

O evento – O 2º Congresso Pacto Pelo Brasil foi realizado entre os dias 20 e 23 de agosto de 2018, no Centro de Eventos Sistema FIEP, na cidade de Curitiba-PR, com a temática “Governança, Integridade e Tecnologia”. O conteúdo do evento está disponível no site pactopelobrasil.org.br. No último dia do evento foi realizado o 9º ENOS, que este ano teve como tema principal “Teoria da Mudança e Impacto Social”. Além disso, durante o congresso, foi comemorado o 10º aniversário do Observatório Social do Brasil.

Mantenedores

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. O Sistema OSB é formado por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br