Pelotas recebe palestra para implantação do Observatório Social do Brasil

A cidade faz parte das cinco selecionadas para receber recursos da Anabb, que estabeleceu parceria com OSB ao final de 2012

10 de setembro de 2013 18:06

Veja outras publicações das mesmas tags: | | | |

Como parte da parceria firmada entre a Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil (Anabb) e o Observatório Social do Brasil (OSB), no final de 2012, o vice-presidente de Comunicação, Douglas Scortegagna, participou no dia 20 de agosto de uma palestra com representantes da sociedade civil em Pelotas (RS). A diretora regional da ANABB no Rio Grande do Sul, Oraida Medeiros, também esteve presente. O objetivo é instalar uma unidade do Observatório Social na cidade gaúcha, conforme aprovado pela Diretoria da ANABB.

A diretora regional da ANABB no Rio Grande do Sul, Oraida Medeiros, acompanhou a palestra em Pelotas (Foto: Divulgação/Anabb)

Autoridades locais e representantes de entidades da região acompanharam a apresentação feita por membros do Observatório Social sobre a atuação do instituto na fiscalização de contas públicas, por meio de monitoramento de licitações e cobrança de providências em caso de irregularidades. A ideia é envolver os associados e seus familiares na promoção de espaços para o exercício da cidadania e de iniciativas democráticas e apartidárias, contribuindo para a melhoria da gestão pública.

De acordo com a diretora regional, os resultados foram positivos, uma vez que os participantes tiveram um entendimento sobre a importância do observatório. Uma comissão já foi constituída para dar início às atividades na cidade e é composta por representantes da OAB, ANABB, Conselho Regional de Contabilidade do Rio Grande do Sul, Federação dos Contabilistas do Estado do Rio Grande do Sul, Liga de Defesa Nacional e Sindifisco.

Para o vice-presidente de Comunicação da ANABB, “no momento em que tanto se fala em ética, transparência e controle dos gastos governamentais, chegou a hora de todos os cidadãos de boa vontade participarem desse que poderá se transformar no maior movimento patriótico dos últimos tempos. É um direito e uma obrigação do cidadão exercer plenamente sua cidadania. E esta é uma grande oportunidade”, disse Douglas Scortegagna.

CRIAÇÃO

De acordo com a diretora regional, os resultados foram positivos, uma vez que os participantes tiveram um entendimento sobre a importância do observatório. (Foto: Divulgação/Anabb)

De acordo com o Estatuto da ANABB, a instituição deve promover ações e eventos que contribuam para o exercício da cidadania e para a responsabilidade socioambiental dos associados e de suas comunidades.

Sendo assim, a Diretoria Executiva aprovou projeto-piloto que apoia a instalação de cinco células dos Observatórios Sociais (OS) em cidades que serão definidas entre as atuais Diretorias Regionais. Mensalmente, serão destinados R$ 2 mil para cada unidade. Esse valor deverá ser utilizado na estruturação e manutenção do Observatório durante 12 meses. Após o término deste prazo, será realizada ava¬liação que servirá de subsídio para instalação de novos Observatórios.

O Observatório Social instalado em Campo Grande (MS) foi a primeira das cinco unidades contempladas com os recursos disponíveis. Em Campo Grande, a ANABB está representada pelo diretor regional de Mato Grosso do Sul, Valdineir Ciro de Souza, que integra o grupo de voluntários do Observatório Social local. Os recursos serão investidos em capacitação da comunidade para que possam fiscalizar a aplicação dos recursos públicos, como cursos de educação fiscal de licitação e contratos, por exemplo.

Via Anabb

Mantenedores

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. O Sistema OSB é formado por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br