Pacto Pelo Brasil é proposto durante 6 º Enos

Escola da Cidadania é a contribuição anunciada pelo OSB para um Brasil melhor

14 de abril de 2015 17:20

Veja outras publicações das mesmas tags: | | | | |

Durante as atividades do 6º Encontro Nacional dos Observatórios Sociais, realizado entre os últimos dias 26 e 28 de março, em Brasília (DF), foi proposta ao público uma iniciativa de comprometimento para chegarmos a um Brasil ideal: o Pacto Pelo Brasil.

A proposta é que cada cidadão e cada organização possa registrar qual ação realizará para contribuir para um Brasil melhor, começando pela rua, bairro, cidade onde mora,  local em que estuda, empresa onde trabalha.

Um painel disponibilizado no saguão de entrada do evento convidou os cidadãos e representantes de entidades a registrarem suas contribuições, e a sensibilização feita pelo personagem Brás – o brasileiro –, idealizado e interpretado pelo vice-presidente do Observatório Social do Brasil (OSB), Ney Ribas, fez com que o público fosse instigado a refletir sobre seu comportamento e contribuição para uma sociedade justa e solidária.  “O resultado depende da nossa atitude, inclusive do que não fizermos”, expôs Brás durante a sua fala.

Painel_pacto pelo brasil

Ao anunciar a criação da Escola da Cidadania, a diretora executiva do OSB, Roni Enara, explicou a essência da proposta. “Entendemos que uma das grandes dificuldades do Brasil é a falta de líderes. Não um ‘salvador da pátria’, mas líderes em todas as comunidades, em todas as organizações, para que realmente coloquemos a mão na massa. Chega de indignaçao e reclamação. Transformemos em atitude a conquista do sonho: o Brasil que queremos.”

Escola da Cidadania

O Observatório Social do Brasil deu o primeiro exemplo no Pacto pelo Brasil, mostrando qual a sua contribuição, enquanto organização, para um país melhor: a criação da Escola da Cidadania. A iniciativa pretende criar um canal de capacitação à distância, com educação continuada, para observatórios sociais, órgãos públicos, conselhos e entidades de fiscalização e controle, empresas, potenciais licitantes, professores e acadêmicos.

A Escola da Cidadania será virtual e em alguns momentos terá aulas presenciais. Alguns dos temas apresentados envolvem execução orçamentária, elaboração de editais, termo de referência, controle de estoque, formação de pregoeiros e de fiscais de contrato, monitoramento de licitações, portais de transparência, entre outros assuntos.

“Vamos trabalhar para que as informações cheguem a todos, nos mais distantes rincões do Brasil”, explica Roni Enara.

O lançamento do primeiro curso da Escola da Cidadania deverá ser em maio, durante a Semana da Cidadania.

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. O Sistema OSB é formado por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br