OSB tem programa para controlar licitações em órgãos públicos

ComprasGov é disponibilizado gratuitamente para empresas e prefeituras, com muitas informações sobre licitações

Publicado para | Controle Social | Evento | Fiscalização | Gestão Pública | Licitação | Licitações | Monitoramento | Participação popular | Participação social | Secundário | Transparência | Utilidade Pública em 27 de novembro de 2017 12:58

Na última quinta-feira (23) o presidente do Observatório Social do Brasil (OSB), Ney Nóbrega Ribas, esteve em Uberlândia – MG.

Na Associação Comercial e Industrial de Uberlândia (Aciub), Ney conversou com dirigentes do Observatório Social local e com empresários, e falou sobre os planos e projetos de expansão da instituição em Minas Gerais.

Uberlândia foi a primeira cidade a instalar e operar um Observatório Social no estado.

Ney Ribas apresentou o ComprasGov, uma plataforma virtual com capacidade para controlar contas de instituições administrativas públicas como prefeituras municipais, através do qual os OSBs poderão controlar contas públicas e, especialmente, licitações, pesquisas de preços e ordens de compras para evitar manipulações e negócios especiais que possam prejudicar recursos públicos.

O projeto está em fase de consolidação e será disponibilizado gratuitamente a todas as empresas interessadas em vender para Prefeituras, Estados e outros órgãos públicos. O Programa, segundo informou Ney Ribas “é o maior Banco de Dados de Licitações do Brasil”.

Com informações de Ivan Santos
Via Uberlândia Hoje

Veja outras publicações das mesmas tags: | | | | | | | | | | |

Mantenedores

Patrocinadores

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. A Rede OSB é formada por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.