OSB e CRF-RS firmam termo de cooperação

Convênio estabelecido pelo Conselho pretende estimular a participação de farmacêuticos nos Observatórios

05 de agosto de 2016 19:29

Veja outras publicações das mesmas tags: | | | | | | | | | |

Com a primeira unidade estabelecida em 2006, na cidade de Maringá (PR), os Observatórios Sociais (OS) são organizados em rede, coordenada pelo Observatório Social do Brasil (OSB). Ele assegura a padronização da atuação dos observadores, promovendo a capacitação e oferecendo suporte técnico aos OS, além de estabelecer parcerias estaduais e nacionais para o melhor desempenho das ações locais. “Presente em 19 Estados brasileiros, a Rede OSB reúne representantes da sociedade civil e busca ser um espaço democrático e apartidário, com o objetivo de contribuir para a melhoria da gestão pública”, explicou nesta segunda-feira, 01, o vice-presidente para Assuntos Institucionais do OSB, Pedro Gabril, durante a XV Sessão Plenária do CRF-RS.

Na ocasião, Gabril apresentou aos diretores da autarquia, conselheiros e demais farmacêuticos presentes, como se estruturam e agem os Observatórios, onde eles estão localizados e quais são os resultados esperados. Também citou exemplos onde a intervenção dos observadores garantiu economia de recursos a diversos municípios, através de processos de revisão de editais que conseguiram, inclusive, com o auxílio do Ministério Público, suspender licitações irregulares. “Os Observatórios procuram atuar na prevenção do desperdício de verbas públicas, acompanhando os fluxos dos processos e colaborando com os gestores na adequação das especificidades técnicas que envolvem as licitações”, informou Gabril, salientando que a área da saúde é uma das mais visadas pelo grupo.

Na sequência, foi assinado termo de cooperação técnica entre o Observatório Social do Brasil, na figura de Pedro Gabril, e o Conselho Regional de Farmácia do RS, representado pelo presidente Maurício Schüler Nin, que endossou a importância dos Conselhos Profissionais e dos farmacêuticos se fazerem presentes nas ações do OSB. “Queremos aumentar o número de profissionais farmacêuticos dentro dessas iniciativas de controle social dos recursos públicos. A categoria tem muito a contribuir com os Observatórios Sociais na análise dos editais, que são realizadas acima de tudo com critério técnico, e permitem dar respostas sobre onde são destinadas determinadas verbas”, afirmou Nin, parabenizando a farmacêutica Mariana Kliemann Marchioro, voluntária no Observatório Social de Porto Alegre e presente na oportunidade. “Gostaria de agradecer o CRF-RS e o OSB por proporcionar esse espaço. Nós, farmacêuticos, temos muito a acrescentar nesses processos que envolvem o bom uso do dinheiro público”, destacou Mariana.

13903422_1050854114998712_2704973764219754890_n[1]

Via CRF-RS

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. O Sistema OSB é formado por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br