Observatório Social de Guarapuava ‘necessita’ de voluntários

A entidade, que monitora gastos públicos, tem apenas dois funcionários e pede mais apoio da sociedade

19 de maio de 2015 18:19

Veja outras publicações das mesmas tags: | | | | | | | |

O Observatório Social de Guarapuava (OSG) é uma entidade da sociedade civil, sem fins lucrativos, que, desde 2009, tem o objetivo de acompanhar e monitorar a qualidade dos gastos públicos.

Possui, atualmente, dois funcionários remunerados (uma assistente social e um estagiário) e alguns poucos, mas valorosos, voluntários. Fato, esse, que impossibilita o acompanhamento de todos os processos, envolvendo o dinheiro público, em execução no município.

De acordo como presidente do Observatório, José Abel Brina Olivo, a participação popular é fundamental para que as atividades do órgão sejam, cada vez mais, bem sucedidas. “Nós precisamos de voluntários. A falta de pessoal torna impossível o acompanhamento de todos os gastos do orçamento municipal”, diz José Abel.

Para ele, quanto mais a sociedade acompanhar o destino do orçamento público, melhor será a aplicação desses recursos.

“Se mais pessoas estiverem envolvidas na análise desses orçamentos, principalmente, nas licitações de compras, obras e serviços, mais a cidade irá economizar, e poderá aplicar o dinheiro em serviços prioritários”, acrescenta o presidente.

Segundo José Abel, a participação voluntária não precisa ter um caráter formal, onde as pessoas são escolhidas, em assembleias, e até mesmo treinadas, em alguns casos, para que possam acompanhar as açõess e os gastos da prefeitura. Basta ter a vontade de ser voluntário.

“Qualquer cidadão pode denunciar uma obra inacabada, ou que foi licitada e paga, mas nunca saiu do papel. É só entrar em contato com a gente. Hoje em dia, todo mundo tem um celular com câmera, não é mesmo? É só fotografar uma dessas situações, ou outras, e mandar pra o Observatório, com o endereço certinho, nome (que não será divulgado) e telefone”, conta Olivo.

No último dia 20 o Observatório Social de Guarapuava realizou a prestação de contas das atividades desenvolvidas no terceiro quadrimestre de 2014 e no primeiro quadrimestre de 2015 em evento aberto à toda comunidade.

Se você deseja ser um voluntário, ou sabe de alguma irregularidade praticada pelo Poder Público, entre em contato com o OSG. Na página do Observatório, no face, é possível, também, acompanhar a divulgação dos trabalhos analisados pela entidade.

Mais informações pelo telefone 42 3621-554 ou e-mail guarapuava@osbrasil.org.br.

Via Impresso Blog e ACIG

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. O Sistema OSB é formado por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br