Dia 05 de Dezembro – Dia Internacional do Voluntário

Esta é uma homenagem do Sistema OSB para todos os voluntários. São vocês que tornam o trabalho do Observatório Social possível, obrigado por nos ajudar a construir um País Livre de Corrupção.

05 de dezembro de 2019 12:07

Veja outras publicações das mesmas tags: | | |

Criado pela ONU – Organizações das Nações Unidas, o dia Internacional do Voluntário, 5 de dezembro, tem a intenção de desenvolver o espírito de solidariedade nas pessoas, que são convidadas a colaborar com o desenvolvimento sustentável do planeta a partir de inúmeras ações.
Os voluntários são aquelas pessoas que têm espírito cívico e interesse por ajudar a construir uma sociedade melhor. Pode ser jovem ou adulto, de qualquer classe social. O que importa é ter a vontade de ajudar, dedicando para isso parte do seu tempo em trabalhos sociais, organizadas ou não, sem receber qualquer tipo de remuneração por isso.

 

Objetivos do Milênio (ODM) 

A ONU definiu as principais áreas de trabalho voluntário a serem estimuladas, com o intuito de solucionar definitivamente os maiores problemas mundiais, definindo 8 Objetivos do Milênio (ODMs).

 

São eles:

  • erradicar a extrema pobreza e a fome;
  • atingir o ensino básico universal;
  • promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres;
  • reduzir a mortalidade infantil;
  • melhorar a saúde materna;
  • combater o HIV/aids, a malária e outras doenças;
  • garantir a sustentabilidade ambiental;
  • estabelecer uma Parceria Mundial para o Desenvolvimento.

 

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS)


Mas em 2015 as ações dos ODMs, inspiraram os novos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). As Nações Unidas trabalharam junto aos governos, sociedade civil e outros parceiros para ampliar a agenda mais ambiciosa. Com isso agora os objetivos são 17 (confira no site da ONU clicando aqui) e o OSB atua contribuindo para a realização do objetivo 16 – Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis. Mais precisamente no que tange aos sub-ítens 16.5 – Reduzir substancialmente a corrupção e o suborno em todas as suas formas e 16.6 – Desenvolver instituições eficazes, responsáveis e transparentes em todos os níveis.

 


Quem pode ser um voluntário?


Todos que tiverem vontade. Não precisa ser especialista em alguma coisa, só o desejo de ajudar com o seu tempo, criatividade e dedicação. Qualquer pessoa pode contribuir com suas capacidades, habilidades, recursos e dons.
Uma ótima oportunidade de fazer amigos, de viver novas experiências, e conhecer outras realidades. O voluntário inspira outras pessoas a pensarem no bem comum, nas pessoas que precisam de ajuda, a ser menos egoísta e dar sem pensar em receber.
Sua recompensa é o contato humano, a alegria de ver o sorriso no rosto das pessoas que não esperavam uma doação, seja de tempo ou recursos. É ver o olhar de esperança renascendo nas pessoas acreditando que o ser humano ainda é bom, que o bem vence o mal, a satisfação de se sentir útil, de de aprender coisas novas e realidades muito diferentes, e no final do trabalho saber que contribuiu para um mundo melhor!
Com a atuação crescente das Organizações Governamentais, o trabalho voluntário atingiu tamanhas proporções, que também precisou ser regulamentado. No Brasil, existe uma Lei do Serviço Voluntário, a lei 9.608, promulgada em 18 de fevereiro de 1998.

 

Voluntários do OSB


O Sistema OSB tem o prazer de contar com a ajuda de 3.500 voluntários, em mais de 150 cidades de 17 estados brasileiros. É a maior rede de controle social do país.
Foi através da atuação de cada um deles que alcançamos números importantes como ter colaborado na economia para o país de mais de R$ 3,5 bilhões nos últimos quatro anos, dinheiro que pode ser melhor aplicado na educação, saúde, infraestrutura e segurança.
Também contamos com voluntários na contribuição financeira, em grande parte de pessoas físicas: cidadãos engajados que não dispõe de tempo para lutar pelas causas da justiça social mas ajudam financeiramente. As pessoas jurídicas também tem um papel importante e essencial no voluntariado, pois dá apoio e investe em nossos projetos e ações que ajudam a economia local e nacional, além de resgatar os valores de cidadania em cada cidade que atuamos.

Pense, reflita e seja um voluntário! Seu tempo é valioso e muito bem-vindo pra nós. Mas se você não pode se engajar voluntariamente, considere contribuir para que o OSB e os Observatórios Sociais continuem atuando no que fazem de melhor: trabalhar para economizar o dinheiro de toda a sociedade. Acesse osbrasil.org.br/doacao.

Mantenedores

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. O Sistema OSB é formado por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br