Crea-PR e entidades de classe buscam convênio com Observatório Social

No Paraná, há convênios firmados com os OSs de Cascavel, Castro e Ponta Grossa. Os observatórios sociais interessados na parceria podem procurar os escritórios regionais do Crea-PR ou as inspetorias mais próximas de sua cidade

05 de novembro de 2013 18:52

Veja outras publicações das mesmas tags: | | | | | | |

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR), através das entidades de classe de Irati e região, iniciou as tratativas para um convênio com o Observatório Social da cidade. Através da parceria, a instituição será subsidiada com informações técnicas que a auxilie na fiscalização da aplicação dos recursos públicos.

O pedido da parceria partiu do presidente do OSI (Observatório Social de Irati), Vanderlei Luiz Zarpellon, que sentiu a necessidade de receber o apoio na orientação e na fiscalização da aplicação dos recursos públicos em licitações, contratações e aquisições de produtos e serviços ligados às engenharias, atividades agronômicas e geociências, amparadas na legislação profissional do sistema Confea/Crea (Conselho Federal de Engenharia e Agronomia/Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia).

As informações serão fornecidas pelas entidades de classe locais: Areci (Associação Regional dos Engenheiros Civis de Irati), Aeari (Associação dos Engenheiros Agrônomos do Centro-Sul do Paraná) e Aeflor (Associação dos Engenheiros Florestais do Centro-Sul do Paraná).

“A parceria é uma forma de contribuirmos para a melhoria da cidade, por meio da transparência e controle da gestão pública”, disse a integrante da diretoria da Areci, engenheira civil Sandra Cristina Glisnki. “Nas primeiras observações que fizemos, sentimos a necessidade de termos informações técnicas. O Observatório não tem condições de contratar uma consultoria. Então, solicitou auxílio ao Crea-PR. Mas o Conselho não tem funcionários que possam se dedicar a essa função. Daí entra a importância do trabalho voluntário das associações”, ressaltou o representante da Aeari no OSI, engenheiro agrônomo Geraldo Carvalho de Oliveira.

O convênio local, que deverá ser assinado em novembro, é um termo aditivo a outro convênio, para o mesmo fim, firmado entre o Crea-PR e o OSB (Observatório Social do Brasil), instituição que congrega uma rede de mais de 70 observatórios sociais espalhados por vários Estados brasileiros. “Todos os convênios que serão firmados com os observatórios sociais nos municípios serão como ‘convênios filhos’, respeitando os parâmetros do convênio maior”, explicou a gerente do Defis (Departamento de Fiscalização) do Crea-PR e gestora do contrato com o OSB, Vanessa Moura. A gerente do Defis explicou ainda que os convênios possibilitam aos observatórios sociais terem acesso a informações referentes a obras públicas fiscalizadas pelo Crea-PR.

No Paraná, há convênios firmados com os OSs de Cascavel, Castro e Ponta Grossa. Os observatórios sociais interessados na parceria podem procurar os escritórios regionais do Crea-PR ou as inspetorias mais próximas de sua cidade.

Por Assessoria Crea-Pr
Via Diário de Guarapuava

Mantenedores

ObservatórioSocial do Brasil

O OSB é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, disseminadora de uma metodologia padronizada para a criação e atuação de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. O Sistema OSB é formado por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública.

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br